Para aproveitar a abertura das fronteiras dos Estados Unidos, viajantes oriundos do Brasil precisam comprovar que completaram o ciclo vacinal por meio do passaporte de vacinação

O presidente norte americano Joe Biden anunciou que as fronteiras dos Estados Unidos estarão abertas a partir do dia 08 de novembro, de acordo com comunicado oficial emitido pela Casa Branca. Dessa forma, o país deixará de aplicar as restrições de entrada praticadas até agora.

Entre os países em restrição, estavam Brasil, índia e China. Para ingressar no país, os viajantes oriundos de países contemplados pelas normas restritivas só poderiam entrar nos EUA se fizessem uma escala de duas semanas em um terceiro país que permitisse a entrada direta em solo americano, como o México e a República Dominicana.

LEIA TAMBÉM – BENEFÍCIOS DO PASSAPORTE EUROPEU

Como está a entrada de brasileiros nos Estados Unidos?

ESTADOS UNIDOS ABREM FORNTEIRAS

O presidente dos EUA Joe Biden afirmou que voltará a permitir a entrada de brasileiros e estrangeiros que tenham completado o ciclo de imunização. 

Para acessar o país, o viajante precisa comprovar que completou o ciclo de vacinação por meio do passaporte de vacinação

Além disso, será necessário o comprovante de teste negativo para a COVID realizado com pelo menos três dias antes da viagem. 

As normas valem para quem possui passaporte europeu?

As regras são válidas para viajantes cuja origem é o Brasil. Portanto, mesmo que seja apresentado um passaporte europeu, se o viajante tiver saído do Brasil é necessário apresentar os comprovantes de vacinação, bem como o teste negativo para a COVID-19.

Todavia, portadores de passaporte europeu ainda contam com facilidades como a ausência de necessidade de visto, burocracia que brasileiros que não possuem esse passaporte ainda precisam enfrentar. 

Quais vacinas são aceitas nos EUA?

Os Estados Unidos declararam que aceitarão viajantes internacionais que tenham tomado vacinas contra a Covid-19 aprovadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) ou pela Food and Drug Administration (FDA), autoridade reguladora equivalente à Anvisa nos Estados Unidos. 

Pessoas que tenham tomado duas doses de diferentes vacinas também terão sua entrada permitida no país. 

No Brasil, são quatro imunizantes que estão entre as vacinas aceitas pelo governo estadunidense. 

  • Pfizer/BioNTech
  • Oxford/AstraZeneca — produzida no Brasil pela Fiocruz
  • Janssen — Johnson & Johnson
  • CoronaVac — produzida no Brasil pelo Instituto Butantan

Exceção da regra 

A Casa Branca confirmou que as crianças menores de 18 anos estão isentas de vacinação para entrar nos EUA, assim como viajantes com determinados problemas de saúde. 

Pessoas que viajam por motivos específicos vindos de cerca de 50 países com taxas de vacinação abaixo dos 10%, também podem se encaixar na isenção das regras – mas devem ser vacinadas caso pretendam permanecer nos Estados Unidos por mais de 60 dias. 

Esses viajantes podem estar isentos de vacinação, mas não estão isentos da testagem do vírus. Portanto, devem apresentar resultado de teste negativo para COVID-19.

Quando as fronteiras para os Estados Unidos estarão abertas?

ESTADOS UNIDOS ABREM FORNTEIRAS

 

De acordo com o último anúncio feito pela Casa Branca, a partir de 08 de novembro, pessoas que desejam viajar aos Estado Unidos já poderão, desde que cumpram as normas de vacinação estabelecidas pelo governo estadunidense. 

Com as fronteiras dos Estado Unidos abertas,