Em grande parte das culturas, existe um gesto, um trejeito, ou mesmo uma forma de falar que identifica e torna aquele grupo de pessoas mais facilmente referenciável. E quando o assunto é comportamento, os gestos italianos são uma verdadeira marca registrada.

Assim como toda generalização, esta também tem suas falhas. Não são todos os italianos que gesticulam tanto assim. Afinal de contas, em um país tão extenso e dotado de uma cultura tão vasta, imaginar que todos os grupos culturais teriam os mesmos traços seria no mínimo estranho.

Algumas pesquisas já foram até aplicadas na Itália, para mapear todas as espécies de linguagem, inclusive a gesticular. Foram encontrados mais de 250 gestos com significação própria! O que é extremamente incrível! Veja mais detalhes sobre onde se aplicam esses gestos em sua maior parte.

A HISTÓRIA E O HÁBITO DOS GESTOS ITALIANOS

Juntamente com outros países dotados de grandes cidades costeiras, a Itália era dotada de grande relevância comercial desde a Idade Média, quer seja pelas suas atividades pesqueiras ou por sua grande habilidade em navegação, que a permitia vender itens vindos da Índia e regiões da África.

O ponto é que, ao se encontrar com compradores das mais diversas regiões do mundo, que iam à Itália adquirir seus itens, os vendedores notavam uma grande dificuldade de comunicação. Foi aí que a primeira necessidade de comunicação gesticular surgiu: no comércio!

Os comerciantes distantes não falavam italiano, e numa tentativa de falar com os locais, eles gesticulavam. Com o passar dos anos, esse simples hábito de compra e venda através de gesto ganhou inúmeras palavras.

Ao passar de geração em geração, essa habilidade de se comunicar por gestos acabou por permear o lidar familiar, onde a extroversão acaba aflorando mais e a necessidade de se comunicar com mais intensidade se faz mais necessária, assim como se arraigando no próprio vocabulário local, se tornando o que vemos hoje: um verdadeiro marco cultural.

E DE ONDE VEM ESSA FAMA TÃO INTENSA?

Para que todos hoje conheçam essa característica, ela de alguma forma caiu na mídia, mas como? Bem, grande parte disso se devem aos gestos feitos por celebridades italianas da mainstream, assim como pelos políticos representantes do país.

Dois casos muito icônicos são o do Primeiro Ministro italiano, Silvio Berslusconi, fazendo um gesto italiano de apreciação a Michelle Obama, assim como o momento que Umberto Bossi se manifestou de forma gesticular (mostrando seu dedo do meio) durante a execução do hino italiano, em 2008.

Esse último gesto inclusive, o de mostrar o dedo do meio, é completamente italiano, tendo este vindo da Roma Antiga, à época do Imperador Calígula, que costumava colocar um anel no dedo médio, e fazer os seus súditos o beijarem como forma de humilhação. Por conta disso, pouco a pouco esse gesto vexatório foi se tornando também um meio de ofender outros, entrando no linguajar italiano.

O ato de balançar as mãos para dizer tchau, bater as mãos contra o estômago para dizer que está com fome, fechar a mão e levantar o polegar fingindo ser um copo de cerveja para convidar alguém a beber, ou mesmo estender os dedos e balançar de um lado pro outro demonstrando leve insatisfação, tudo isso vem de nossas raízes italianas, e nem se quer percebemos quando estamos “falando” com as mãos.

AS DIFERENÇAS QUE NOS UNEM

Lado a lado, quer seja culturalmente, historicamente ou politicamente: a Itália e o Brasil se comunicam e conversam entre si, trocando aspectos de suas linguagens, gastronomia, arquitetura e até os próprios gestos italianos! Por isso podemos notar tantos detalhes da Itália em nosso dia a dia aqui no Brasil.

Por vezes, podemos notar parte da Itália até mesmo em nossa família! Isso porque o Brasil é dotado da maior população italiana fora da Itália, o que confere a grande parte de nós brasileiros, a possibilidade de reconhecer a dupla cidadania!

Se você vem de uma família de raízes italianas e ainda não reconheceu sua cidadania, que tal falar com uma assessoria reconhecida pelo mercado para te acompanhar nesse processo? A Cidadania4u é dotada de um pessoal capacitado e especializado para absorver sua demanda da melhor forma possível.

Fale conosco no contato@cidadania4u.com.br e saiba em detalhes como podemos te ajudar!