Um navio de resgate de imigrantes, afiliado à ONG Sea Watch, foi apreendido por promotores italianos. O mesmo veio a ser libertado para navegação nesse sábado dia 1 de Junho, voltando a serviço e resgatando migrantes que estejam a deriva no mar. Veja mais detalhes dessa notícia abaixo.

Em maio, o citado navio foi capaz de resgatar 65 migrantes na costa da Líbia. O desembarque de tais indivíduos foi barrado pelo ministro do Interior, Matteo Salvini, por conta do fechamento de seus portos. Depois de algumas investidas legais e polêmicas públicas, os migrantes desembarcaram em Lampedusa, desde que o navio fosse confiscado.

Essa não é a primeira vez que a decisão do fechamento dos portos da Itália gera problemáticas. A mesma já rendeu duas investigações por sequestro e abuso de poder, sendo uma delas envolvendo a Sea Watch mais uma vez.

OS RESGATES DA SEA WATCH ENFURECEM SALVINI, CUJA POPULARIDADE SÓ SOBE

Por endurecer a política migratória da Itália e tomar medidas conhecidamente impopulares, Salvini ganha bastante holofote e mídia. Mesmo diante do ministro carrasco, o porta voz da Sea Watch comemora:

“Felizmente, a constituição do Judiciário italiano é mais do que um ministro”, diz Ruben Neugebauer.

Mesmo com o fechamento dos portos, no dia 30 de Maio, um navio da Marinha Militar da Itália resgatou 100 migrantes que estavam à deriva num bote inflável, próximo à costa da Líbia. As pessoas foram levadas à Gênova no dia 2 de Junho.

Diante do resgate, Salvini afirmou que espera acordos com países europeus e com o Vaticano para acolher os indivíduos, para que não haja nenhum deles às custas e despesas de cidadãos italianos.

O FECHAMENTO DOS PORTOS E O SOLO ITALIANO E A RELAÇÃO COM A ONG

Desde que o navio da ONG Lifeline, que resgatou 224 pessoas no Mar Mediterrâneo, levou os migrantes para a Itália, Salvini tomou uma das decisões mais impopulares de seu governo diante o cenário mundial: fechar seus portos. Em comentário à mídia, disse que as entidades pseudo-ONGs não tocarão mais o solo italiano como outrora fizeram, e que podem levar a “carga de seres humanos” para outros países.

Roma acusa as ONGs de ficar em águas territoriais da Líbia para socorrer migrantes forçados, assim que os mesmos deixam a costa do país africano. As ONGs, por outro lado, alegam fazer seus resgates apenas em águas internacionais.

Nesse toma lá, dá cá de informações: quem sofre é o migrante, que busca alento e moradia em um país diferente de sua nacionalidade, mas acaba encontrando outro embate político diante de seus olhos.

ULTRANACIONALISMO TÓXICO?

Ainda que diante de inúmeras críticas, Salvini tem priorizado a resolução das questões nacionais, abdicando um pouco de sua atuação em questões internacionais. Enfrentado uma crise financeira interna pesada, sendo a mesma, motivo de atritos com a União Europeia, Matteo Salvini declara que:

“Os portos italianos estão fechados, acolhemos muitos falsos foragidos, enriquecemos muitos contrabandistas. Os prefeitos de esquerda devem pensar nas dificuldades de seus cidadãos, não na dos clandestinos […] Primeiro, temos que pensar nos milhões de pobres e desempregados italianos, defende-los dos muitos crimes cometidos por imigrantes ilegais, e depois salvaremos o resto do mundo”.

O que você acha dessa abordagem do vice primeiro ministro da Itália frente as ações da Sea Watch? Comenta abaixo como você enxerga as medidas do político!

CONTE CONOSCO PARA ESTAR SEMPRE A PAR DO CONTEXTO ITALIANO

Como deu para notar, estamos sempre acompanhando o que acontece lá na Itália. E isso não é à toa: somos uma assessoria que lida, dia após dia com as movimentações administrativas do país. Para conseguir prestar um serviço de qualidade aos cidadãos italianos, é necessário estar sempre informado e atualizado dos passos do governo.

Se deseja conhecer um pouco mais do que podemos fazer por você, quer seja em sede do reconhecimento da cidadania italiana, ou mesmo no que diz respeito da manutenção de sua relação com o governo do país, fale conosco no contato@cidadania4u.com.br!

Nossos especialistas estão aguardando seu contato desde já 😀

Nos falamos em breve! Até mais!