Numa reviravolta nem um pouco esperada, um acordo da centro-esquerda pode ser fechado, impedindo a convocação de eleições antecipadas e implicando na derrota de Matteo Salvini. A União do Movimento 5 Estrelas e do Partido Democrata agora assusta Salvini e coloca a Itália num caminho diferente do esperado pelos economistas.

O Partido Democrata, que até data recente não tinha confirmado a coalisão, revelou ao presidente Sergio Mattarella que está sim disposto a formar um governo de coalizão com o 5 Estrelas. Caso isso realmente ocorra, Giuseppe Conte, antigo primeiro-ministro italiano, será reconduzido ao seu cargo.

Nicola Zingaretti agora se torna um nome vastamente falado no meio político. Sendo o líder do PD (Partido Democrata), afirma que já chegou a um acordo sobre um plano de governo com base e posições comuns com o M5S.

EVENTOS INESPERADOS PARA MATTEO SALVINI

O Líder da Liga Norte, Matteo Salvini, rompeu os acordos com o Movimento 5 Estrelas porque tinha interesse na realização de eleições antecipadas, já que, possuía esperança de ganhar tais eleições, já que sua popularidade aumentou bastante ao atacar imigrantes.

Hoje, quinta-feira dia 29, o Presidente da República deve formar o novo governo, colocando Giuseppe Conte como primeiro ministro. Esse fenômeno já é conhecido na Itália como “Conte Bis”, ou algo como “Conte novamente” em português.

Isso evita que a Itália encare as novas eleições, tão desejadas pelo líder da extrema-direita, Matteo Salvini. Conte agora passará a ter poderes de fato em seu cargo.

UM GOVERNO FRÁGIL E INSTÁVEL

Ainda que evoque comemorações, esse 66º governo italiano desde o fim da Segunda guerra Mundial é marcado por grande fragilidade. E esse é um traço marcante dos governos das últimas 7 décadas. De acordo com o cientista político, Oreste Massari, que estuda os partidos e governos italianos na Universidade Sapienza, em Roma:

“É impossível formar um governo estável na Itália, isso porque todos os partidos têm sérias divisões internas que comprometem a governabilidade”. Somando-se ao fato de que o governo anterior assim como este atual que surge são ambos de coalizão, percebemos como é uma situação deveras caótica.

Massari comenta que os partidos que se juntam agora têm muitas diferenças, mas também muitos pontos comuns. Principalmente quando falamos das questões ambientais e sociais. O 5 Estrelas, ainda que populista, tem programas parecidos e conciliáveis aos da esquerda tradicional, onde se enquadra o PD.

Vemos agora, então, o governo sair da mão de um partido ultranacionalista para um centro-esquerda, que trará profundas mudanças em relação ao anterior. Muito provavelmente, veremos o cancelamento de algumas medidas colocadas em prática por Salvini nos últimos meses, como as questões dos refugiados por exemplo.

Esse governo não terá uma aceitação ótima, já que em pesquisas no país, se o caminho fosse a eleição, não haveria outro nome capaz de vencer que não Salvini, este admirado pelo húngaro Viktor Orban, pelo russo Vladimir Putin e pelo brasileiro Bolsonaro.

AGUARDEMOS POR MAIS NOVIDADES SOBRE ESTA QUESTÃO

Por ser um contexto instável, não temos como ver claramente quais serão os próximos desdobrares. Espera-se que agora, Conte assuma o cargo e tudo caminhe a partir disso. Quer seja esse o ocorrido ou não, você pode contar conosco aqui da Cidadania4u para te manter informado sobre tudo que acontece lá na Itália.

Isso porque estamos sempre dando uma olhada cuidadosa em todos os processos administrativos que acontecem por lá, para informar aos nossos clientes e mantê-los atualizados de tudo. Se você tem interesse de reconhecer sua cidadania italiana, fale conosco da Cidadania4u!

Nossos especialistas estão de plantão no contato@cidadania4u.com.br aguardando seu e-mail! Caso queira nos encontrar pessoalmente, estaremos no Italian Festival! Veja mais detalhes desse evento que acontece aqui em Brasília clicando aqui nesse link!

Nos falaremos em breve! Um grande abraço e até mais 😀