Que o Brasil é o lugar onde os sobrenomes italianos mais aparecem entre as famílias, além da própria Itália (ora, ora, temos um Sherlock Holmes aqui?), já estamos cansados de saber! 

Esse interessante fato pode ser explicado pelo intenso movimento imigratório que ocorreu na europa durante os séculos XIX e XX, e fez com que um número considerável de italianos adotassem nosso país como lar. 

Aí, todo mundo já sabe, né? Foi um passo bem rápido para que a comunidade italiana se instalasse de vez por aqui, somando com seus costumes e tradições na diversificada cultura brasileira.

Desse modo, se você tem interesse em descobrir quais são os sobrenomes italianos mais populares e os mais raros e, assim, confirmar suas raízes europeias para conquistar sua cidadania, este post lhe poderá ser de muito boa utilidade.

Sobrenomes italianos mais populares

Antes de partirmos para os sobrenomes italianos mais populares por aqui, é importante comentar que todo país possui alguns sobrenomes que são mais fáceis de serem encontrados entre a população, tipo o Silva no Brasil. 

Por outro lado, há também aqueles sobrenomes considerados mais raros, que muitas vezes ganham o título de “chiques”, apenas por não serem tão comuns assim.   

Lá na Itália, as coisas não seriam diferentes, já que esse país possui cerca de 350.000 sobrenomes diferentes e ocupa a posição número 1 em diversidade nesse quesito (mas em questão de futebol, nem precisamos comentar qual país é o maior campeão de todos, certo?).  

Bom, depois dessa chuva de informações, só nos resta mesmo conhecer os 15 sobrenomes italianos mais populares

  1. Rossi;
  2. Russo;
  3. Ferrari;
  4. Esposito;
  5. Bianchi;
  6. Romano;
  7. Colombo;
  8. Ricci;
  9. Marino;
  10. Greco
  11. Conti; 
  12. De Luca; 
  13. Mancini;
  14. Costa;
  15. Gallo.

Genealogia dos sobrenomes italianos

Desta lista, já conseguimos conhecer uma boa quantidade de amigos ou até mesmo familiares que portam os sobrenomes italianos em seus registros. 

Contudo, vale destacar que para ter direito à cidadania italiana, não necessariamente deve-se portar um nome de origem europeia no registro. 

Pois, pensa aqui comigo: quantos sobrenomes se perderam no caminho genealógico até chegar em você?

Partindo do pressuposto que seus pais têm dois sobrenomes cada e você também só possui dois, 50% dos sobrenomes se perderam no caminho

Se considerarmos a partir da geração dos seus avós, bisavós e assim por diante, constatamos que mais e mais sobrenomes se perdem ao longo do tempo. 

Ou seja, muitas pessoas podem ser descendentes dos sobrenomes citados na lista aí em cima, ou até mesmo em outras, e não fazem a menor ideia disso. 

Também sabemos que é um tanto complicado constatar ao certo a origem real dos sobrenomes, por isso vamos deixar para aprofundar nesses dois assuntos um pouco mais à frente.

Sobrenomes italianos mais raros

Por aqui, a imigração italiana ficou marcada por ter vindo, sobretudo, do Norte da Itália, importando, assim, boa parte dos sobrenomes mais usados naquela região. 

Principalmente de locais mais ao nordeste do país, como a região de Vêneto, onde os sobrenomes “Pavan”, “Furlan” e “Zanon” são bastantes comuns.  

Contudo, o processo de imigração italiana em nosso país gerou muitas fusões e alterações de nomes, o que influenciou no surgimento de novos sobrenomes italianos “abrasileirados”. 

Além disso, é importante lembrar um outro dado: o Brasil é o país que possui uma das maiores colônias italianas fora da Itália

Sendo assim, parece bastante razoável que os sobrenomes mais populares lá na Itália também sejam os mais populares por aqui, certo? 

Então, os sobrenomes “Rossi”, “Ferrari”, “Russo”, “Martins” e “Santos”, entre tantos outros, também podem ser considerados comuns, tudo depende da região e do fluxo de imigração da comunidade italiana para cada área específica do Brasil.

Curiosidades sobre os sobrenomes italianos

Uma curiosidade sobre os sobrenomes italianos é que muitos deles tiveram sua origem de acordo com a profissão exercida por determinada família, com as características de determinada pessoa ou a sua região natal. 

Por exemplo, o sobrenome Fabbro/Fabbri traz o significado de fabricante ou artesão, enquanto o sobrenome Soldati remete a soldado. 

Interessante, né? Então, vamos conferir o significado de outros sobrenomes italiano!

  • Pastore: pastor;
  • Bianchi/Bianco/Dal Bianco/Bianchini: pessoa de pele ou cabelo claros;
  • Trevisan/Trevisani: pessoa que tem relação com a província de Treviso;
  • Romani/Romani: pessoa nascida em Roma;
  • Lombardi: pessoa que tem relação com a região da Lombardia;
  • Veronese: pessoa que tem relação com província de Verona;
  • Gentile: refere-se à pessoas gentis
  • Fiore: flor;
  • Benedetti: abençoada(o).

Sobrenomes de imigrantes italianos que vieram pro Brasil

Se você possui um ancestral italiano e sabe que ele imigrou para o Brasil em algum momento da história, deve ter muita curiosidade em saber quais são os principais sobrenomes dos outros imigrantes que também vieram para cá. 

Sendo assim, segue uma lista: 

  • Barbieri;
  • Bernardi;
  • Bianchi;
  • Ceccon;
  • Conti;
  • Colombo;
  • Coppolla;
  • Esposito;
  • Ferrari;
  • Grasso;
  • Lombardi;
  • Mancini;
  • Morelli;
  • Pagani;
  • Rizzi;
  • Rizzo;
  • Spina;
  • Spinelli;
  • Valentini;
  • Volpato;
  • Zanatta.
Sobrenomes italianos: imigrantes italianos no Brasil
Muitos sobrenomes italianos chegaram ao Brasil através dos imigrantes

Nomes italianos mais populares

Já citamos vários sobrenomes, mas ainda não falamos sobre os nomes italianos mais populares não só no Brasil, mas no mundo inteiro. 

Aposto que você irá se surpreender, já que muitos deles são por demais conhecidos e, além disso, muito utilizados por aqui. 

Veja só: 

Nomes masculinos 

  • Francesco;
  • Edoardo;
  • Leonardo;
  • Alessandro;
  • Tomasso;
  • Lorenzo;
  • Riccardo;
  • Mattia;
  • Gabbiele;
  • Andrea.

Nomes femininos 

  • Aurora;
  • Giulia;
  • Sofia;
  • Matilde;
  • Ginevra;
  • Emma;
  • Vittoria;
  • Beatrice;
  • Giorgia;
  • Alice.

E aí, achou algum nome bonito ou conhece alguém que possui algum deles? Aposto que todo mundo já conheceu uma Vittoria na vida!

Como saber se o sobrenome da sua família é italiano

Como mencionamos anteriormente, descobrir a verdadeira origem de um sobrenome pode ser um pouco complicado e requer um pouquinho mais de esforço. 

Mas existem alguns sites e assessorias que podem te ajudar nessa parte de pesquisa mais “grossa” e, assim, facilitar essa pesquisa. 

Por exemplo, um site que podemos recomendar já de antemão é o Cognomix, no qual você pode pesquisar a ascendência dos sobrenomes e saber se eles são de fato sobrenomes italianos.

O primeiro passo é perguntar aos seus pais, avós e parentes próximos o nome e sobrenome de seus ancestrais. 

Ou seja, colher o máximo de informações. 

Depois disso, é só levar o sobrenome ao site e confirmar se ele é um dos sobrenomes italianos ou não. 

Bem fácil, né?

Origem dos sobrenomes italianos

Há uma grande chance que algum dos sobrenomes italianos listados neste post possa ser o mesmo da sua família. 

Ou você, depois de realizar uma busca pela internet ou até mesmo com sua família, confirmou que o seu sobrenome tem uma ligação real com a região banhada pelo mar meditarrâneo

E após descobrir o lugar de onde surgiu parte da história dos seus antepassados, a sua curiosidade para saber a origem precisa dela só aumentou, certo?

Bom, a boa notícia que trazemos é que existem várias maneiras de você conhecer mais sobre suas raízes, entre elas, poderosas ferramentas de buscas disponíveis na internet.

Diversos sites são capazes de auxiliar na busca de informações a respeito dos seus antepassados através do sobrenome. 

Podemos citar:

  • Family Search: site internacional com o acesso ao maior acervo genealógico do mundo; 
  • Forebears: site que auxilia na descoberta da origem do sobrenome através de dados coletados em vários países; 
  • MyHeritage: um dos sites mais avançados para colher informações sobre a origem de uma família. 

Por mais que a busca da origem do sobrenome seja facilitada pela tecnologia, esse processo ainda requer uma minuciosa pesquisa da etimologia, história e variação geográfica do nome. 

É preciso explorar muitos documentos de família, como certidão de nascimento, casamento e óbito para obter informações importantes que remontem o passado com o máximo de precisão. 

Dessa forma, também é possível contar com a ajuda profissionais capacitados para te auxiliar na pesquisa sobre a genealogia da sua família. 

E caso você também queira iniciar o processo de aquisição da cidadania italiana, esse profissional é uma mão na roda para a montagem da sua árvore genealógica, que é uma importante ferramenta usada para ter a cidadania devidamente reconhecida. 

Conte também com a ajuda do seus familiares

As ferramentas de pesquisas online e os serviços de profissionais são realmente bem úteis para rastrear a origem do seu sobrenome com precisão

Contudo, conversar com familiares e parentes também pode ser uma excelente estratégia para descobrir diversas informações importantes sobre os seus antepassados italianos. 

Essa interação, além de ser uma busca com fontes altamente confiáveis, também pode ser bem agradável, já que proporciona preciosos momentos de encontros e reencontros entre os familiares.

O sobrenome italiano facilita o processo de cidadania?

De antemão, já dizemos que não! Ter um sobrenome italiano não facilita o processo de cidadania, mas pode encurtar alguns caminhos. 

várias formas de obter a cidadania italiana, mas geralmente ela é adquirida através da comprovação de uma ascendência direta, como um bisavô ou bisavó. 

Contudo, ter um sobrenome italiano pode ser uma maneira de direcionar as buscas pelas documentações necessárias, especialmente se ele tiver sua origem confirmada. 

Sendo assim, também é importante destacar que cada caso é um caso. Ou seja, os processos de avaliações para obtenção da cidadania italiana são individuais, no qual uma série de requisitos são minuciosamente avaliados. 

Em resumo, um sobrenome italiano pode ser útil para rastrear determinadas informações e documentos, mas não pode ser considerado um fator determinante capaz de tornar alguém em um legítimo cidadão italiano. 

Benefícios da cidadania italiana

Digamos que este post te ajudou a descobrir que o seu sobrenome realmente tem origem italiana e, além disso, você também soube que os seus antepassados vieram do velho continente.

E todas essas informações te forneceu todas as ferramentas necessárias para obter a cidadania. 

Assim, uma dúvida pode surgir em sua cabeça: Quais benefícios a dupla cidadania pode me proporcionar? 

Bom, se você é uma pessoa que adora viajar e almeja se aventurar nos quatros cantos do planeta, saiba, antes de tudo, que o passaporte italiano está entre um dos melhores do mundo

Além de facilitar a entrada em 190 países diferentes, ele também possibilita a sua entrada nos EUA sem precisar emitir um visto. 

Uma outra vantagem que a cidadania italiana pode te oferecer é a possibilidade de trabalhar ou estudar por quase toda a Europa e até mesmo nos Estados Unidos. 

E para finalizar em grande estilo, saiba que a Itália possui um excelente sistema de saúde, no qual você poderá usufruir de forma gratuita ao conquistar a sua cidadania. 

É claro que há muitos outros benefícios  em descobrir a verdadeira origem do seu sobrenome e obter a cidadania italiana.

Mas tenho certeza que só com o que citamos, já conseguimos te convencer que é um ótimo negócio iniciar esse processo o quanto antes.

Documentos necessários para obter a cidadania italiana

Apenas descobrir que o seu sobrenome tem origem italiana não é o suficiente para garantir a sua dupla cidadania

Dessa forma, também é necessário reunir uma porção de documentos que comprovem que os seus antepassados possuíam uma ligação direta com a Itália. 

Além disso, toda essa pesquisa e organização tornam todo o processo de obtenção da cidadania um tanto burocrático

Por isso, listamos aqui os documentos necessários para alcançar o seu objetivo: 

  • Certidão de nascimento italiana dos seus antepassados; 
  • Certidão brasileira dos descendentes de linhagem direta; 
  • Certidão de casamento de todos os descendentes; 
  • Certidão de óbito (caso alguém já tenha morrido); 
  • Certidão negativa de naturalização (CNN).  

É importante ressaltar que a certidão negativa de naturalização (CNN) é o documento que garante que o antepassado italiano não se naturalizou brasileiro

Já que a confirmação dessa informação é essencial para que a sua cidadania italiana seja aprovada.

A Cidadania4U pode te ajudar!

Se a conquista da cidadania italiana for o seu sonho, mas não tem ideia por onde e nem quando começar os processos, não se preocupe!

A Cidadania4U possui profissionais capacitados, prontos para te auxiliar por cada etapa dessa jornada: desde a pesquisa para descobrir os seus ascendentes familiares, até a resolução de todos os trâmites burocráticos.  

Entre em contato conosco para descobrir a origem do seu sobrenome italiano e, consequentemente, um pouco mais da sua história.