Conhecida como o país da bota, a Itália recebe esse nome pela semelhança entre o formato do país no mapa e o calçado.

Nesse contexto, a grande imigração italiana para o Brasil teve enorme influência sobre a nossa cultura. Isto é, podemos encontrar traços da cultura italiana tanto no vocabulário, na gastronomia e até mesmo no futebol.

Tudo começou durante os fluxos migratórios.

Por isso, o dia 21/02 é uma data reservada para o Dia do Imigrante Italiano que remete a primeira leva de italianos que desembarcaram em solo brasileiro. 

Trata-se de um reconhecimento aos laços estabelecidos entre Brasil e Itália ao longo do tempo. Além disso, é também um momento de celebração à cultura do país.

Nesse sentido, falaremos mais neste artigo sobre a cultura italiana e a influência dela na cultura brasileira.

Neste post você irá descobrir:

  • Como a cultura italiana está presente no dia a dia brasileiro
  • Gastronomia italiana e as influências no Brasil
  • Quais os costumes que os italianos trouxeram para o Brasil
  • Resultados da grande imigração italiana e a multiculturalidade

Dia do Imigrante Italiano: como a cultura italiana está presente no dia a dia brasileiro

Você provavelmente já usou a expressão tchau para se despedir de alguém. Seja quando esse tchau representa um “até logo”, ou mesmo quando significa um adeus.

Aquele que deixa uma saudade quase instantânea no peito, e as sensações começam a tomar formas, dando gosto a perfumes e colorindo os sentimentos que são abrigados pelas lembranças.

Ou, até mesmo já comeu uma pizza. Aquela que tem cara de filme com os amigos, uma sexta em família ou fim de noite em um dia de semana. Ela não tem um padrão, está presente em vários momentos.

Assim, isso pode parecer muito comum em nosso dia a dia. Mas o que a gente não costuma pensar é como adquirimos esse hábito que nos parece tão natural.

Partindo disso, a verdade é que os imigrantes italianos tiveram grande influência. Tanto em nossos hábitos, quanto na nossa cultura e gastronomia.

Assim sendo, hoje nós te convidamos a embarcar nessa jornada de descoberta sobre a cultura italiana enraizada no Brasil. Vamos juntos?

Dia do Imigrante Italiano: gastronomia italiana e as influências no Brasil

Primeiramente, muito presente na cultura brasileira e que foi incorporado, é o hábito de comer panetone no Natal. Uma lenda conta que a iguaria natalina foi criada para substituir biscoitos feitos por um auxiliar de cozinha do duque de Milão, Ludovico Sforza, chamado Toni, ainda no século XV. 

dia do imigrante italiano
Panetones sobre a mesa.

Toni teria deixado os biscoitos que seriam servidos junto ao banquete natalino queimarem. Nesse momento então teve a ideia de usar a massa de fermento dos pães, junto aos outros ingredientes que tinha ao alcance, no caso o açúcar, as passas e as frutas cristalizadas. 

Devido ao seu sucesso, o duque teria batizado o pão de “pão Toni” em referência ao idealizador. Ou seja, com o passar dos anos e a popularidade na Itália, o nome teria mudando até ficar conhecido como “panetone”. 

Assim sendo, essa é a história contada da iguaria. Entretanto, Massimo Montanari – professor de história da Alimentação na Universidade de Bolonha, na Itália – diz que, como a receita é de tradição coletiva, fica difícil determinar com absoluta certeza sua origem e data de nascimento. 

Porém, é possível conhecer sua “árvore genealógica” e estabelecer sua ligação com os pães doces que eram servidos ainda na Idade Média.

Massas frescas e secas

Temos ainda, o macarrão. A origem da massa não se sabe ao certo. Entretanto, se sabe que os etruscos — que habitaram a península Itálica antes dos romanos — faziam massas por volta do ano 400 a.C. 

dia do imigrante italiano
Massa ao molho de tomate, juntamente com alguns ingredientes utilizados na receita.

Vale destacar a massa seca. Isto é, aquela que pode ser armazenada para posterior cozimento, provavelmente foi inventada pelos árabes entre os séculos IX e XI. Segundo Cintia Gama, professora de História da Gastronomia nas Faculdades Metropolitanas Unidas (FMU-SP).

Ainda assim, Cintia ressalta que foi só no século XVII que a massa ganhou seu acompanhamento clássico, o molho de tomate.

Dia do Imigrante Italiano: quais os costumes que os italianos trouxeram para o Brasil

No caso do vocabulário, o “tchau” utilizado no Brasil para se despedir das pessoas na verdade é derivado da palavra “ciao” em italiano. Isto é, uma saudação utilizada na Itália em contextos informais.

Além disso, saindo do vocabulário e indo para o esporte, no futebol brasileiro também há um pouco dos imigrantes italianos que se estabeleceram aqui.

Como é o caso do time do Palmeiras, antes chamado Palestra Itália. O qual teve o nome original proibido à época, obrigando a mudança.

dia do imigrante italiano
Time do Palmeiras reunido, em comemoração à vitória na final do campeonato.

Tal fato se deu em decorrência da origem do time. Criado na tentativa de unificar os imigrantes italianos que viviam em São Paulo. No entanto, durante a ditadura Vargas, após declaração de guerra à Itália no contexto da 2ª Guerra Mundial, foi criminalizada qualquer manifestação cultural italiana no país.

Resultados da grande imigração italiana e a multiculturalidade

Diante disso e tendo conhecimento do contexto do dia do imigrante italiano, é irrefutável a ideia de que o Brasil é um país multicultural. Isto é, que abraça e acolhe outros costumes, fazendo deles parte dos nossos. No caso da Itália, isso é notável nos sotaques, como o paulistano, nas comidas mais consumidas no país, como a pizza e o macarrão. 

Sendo assim, tratando-se da Itália e desse sentimento de irmandade que acomete cidadãos de ambas as nações, nada melhor do que ter um dia para celebrar essa união e conhecer mais sobre as origens.

E se você deseja ter mais informações sobre as suas origens, saiba que podemos te ajudar! Cidadania4u e meuDNA estão com uma parceria incrível, em que você pode descobrir mais sobre as suas origens por meio de um teste de DNA.

Exatamente! Por meio do teste meuDNA Origens é possível descobrir a sua ancestralidade genética e detalhes sobre a cultura de cada povo que compõe o seu DNA. 

Pensando nisso, nos unimos ao meuDNA para te proporcionar uma descoberta familiar extraordinária.

Imagine passear pelo seu passado e mapear não só sua origem genética, mas suas histórias e quiçá memórias.

Pensando na sua jornada de autodescoberta, a Cidadania4u conseguiu 20% de desconto nos testes de ancestralidade meuDNA.

Assim, o meu DNA te ajudará a descobrir os povos que fazem parte do seu DNA, os detalhes sobre a cultura de cada uma de suas origens e a história da imigração desses povos até chegar em você. Clique abaixo e aproveite:

dia do imigrante italiano

Importante: desconto aplicável em todos os testes meuDNA, exceto meuDNA Covid. A promoção é válida até 27/02/2022.